<$BlogRSDUrl$>

terça-feira, 29 de junho de 2004

Dedicado a quem nós sabemos 

Deixa a ganza!

sábado, 26 de junho de 2004

Com que então... 

... o Figo estava a rezar no balneário? E há quem acredite?


P.S. Ah grande Grécia!

quarta-feira, 23 de junho de 2004

Não tenho nada para escrever... 

Penso que já terei dito aqui que, pelo menos para mim, é mais fácil escrever quando se está triste do que quando se está contente.
Há uma maior necessidade de transmitir o que sentimos, ver se as pessoas alcançam os propósitos dos nossos posts. Porque são direccionados, não obrigatoriamente para alguém, mas mais que não seja para a compreensão e imaginação das pessoas. Para que algum de vocês, que lê o que escrevo, partilhe comigo o que pensa e sente, mesmo que apenas depois, seja na minha presença, seja no MSN ou no IRC.
Porque o blog é isto mesmo.
Lembro-me de ter ouvido dizer, ou lido algures, que quem quisesse os pensamentos e sentimentos para si próprio mantinha-se pelo caderninho, não criava um blog. Esta necessidade de partilha, a que me associo também (quer com sentimentos de alegria que de tristeza), tornou-se um hábito. Ser, e revelar, mais do que sou e faço na "realidade" por aqui.
Suponho que esta falta de inspiração a que tenho sucumbido recentemente implique eu esteja feliz. E isso é preferível a escrever muito...

Etiquetas:


domingo, 20 de junho de 2004

Ora bem: 

- Portugal fez uma primeira parte de altíssimo nível. O lado direito funcionou de forma quase perfeita (apesar de uma certa debilidade defensiva do Miguel);
- Pauleta está em baixo de forma e não é jogador para o tipo de jogo praticado (o Nuno Gomes é de facto, neste momento, o ponta-de-lança indicado para Portugal);
- o Ricardo faz-me arrepios (as vezes em que foi chamado a intervir falhou, especialmente nos cruzamentos para a área);
- para mim, o melhor em campo foi o Jorge Andrade (que jogão, senhores!)
- a Espanha não jogou nada. Nada. É chavão futebolístico que "cada equipa joga o que a outra deixa jogar", mas continuo a achar que a segunda parte podia ter sido bem melhor por parte de Portugal;
- não me venham dizer que podíamos ter ganho por 3 ou 4. Quando tivemos hipótese foi no fim da 2ª parte, no chamado "desespero total" espanhol.

Ganhamos bem? Sim, sem dúvida. A melhor equipa em campo foi a selecção de todos nós.
Gostei de ver jogar a selecção? Claramente. Já há quase dois anos que não acontecia e aconteceu hoje.
Por isso, Parabéns Portugal. Mas continuo a recusar entrar em euforias desmedidas.

p.s. O árbitro esteve muito bem. Se calhar contemporizou um pouco mais nos cartões amarelos para connosco, mas não foi, nem por dúvidas, tendencioso. Parabéns a ele também, que não se deixou afectar pela pressão espanhola.

sábado, 19 de junho de 2004

... 

Pois é, pois é.. cá estamos!
Cada um tem o que merece!?
A vida é feita de pequenos nadas!
Quem tudo quer tanto dá até que fura!
Olha, e comida de gato, não?
Oh jeitoso!!
O que é que nós queremos? É P|T%%%%!!!
Aqui há gato!
Que seja a última vez que me falas assim!
Cala-te, c@r@lho!
SHHHHT!

Etiquetas:


Obrigado! 

Foi demais.

p.s. E a ti também por teres ido!

sexta-feira, 18 de junho de 2004

Parabéns! 

Parabéns, !

quinta-feira, 17 de junho de 2004

Vamos lá a ver: 

- A selecção não jogou bem. (entrou bem no jogo, é aquela a equipa de todos nós, mas não jogou bem - alguém reparou que não há fio de jogo?);
- A Rússia é nitidamente uma selecção frágil, com problemas internos (como prova a saída de Mostovoi após discussões com o seleccionador russo);
- Continuo a achar, e é uma opinião muito pessoal, que o guarda redes russo Ovchinnikov não toca na bola com a mão (no lance da sua expulsão), mas apenas pousa a mão para se apoiar;
- Devíamos ter feito muito mais com 11 jogadores em campo (e eles apenas com 10);
- Fernando Couto, Rui Jorge e Rui Costa não fazem falta nenhuma [como se viu, apesar do golo de difícil (!) execução do nº 10 que muitos tentam agora sobrevalorizar]

Por tudo isto, e porque neste blog ninguém passa de besta a bestial (ou o inverso) de um post para o outro, não compreendo esta festa toda. Foi só um jogo. E precisamos de ganhar a "nuestros hermanos" para passar...
Boa sorte, Portugal! (bem precisas...)

sábado, 12 de junho de 2004

Digam-me uma coisa... 

... alguém acreditava mesmo que a equipa que andava a arrastar-se nos amigáveis antes do Europeu (para além dos dois últimos, jogos contra equipas fracas e sem ritmo) ia transfigurar-se por causa de umas bandeirinhas nas casas?

sexta-feira, 11 de junho de 2004

... 

Pois é, pois é... cá estamos.

Etiquetas:


Nas contas do deve e haver... 

... obrigado a ti pelo postal e... sim, eu sei que te estou a dever uma carta bem grande. Segunda vai a caminho, prometo!

terça-feira, 8 de junho de 2004

Isto é cada uma... 

Depois do fantástico (...) Dismissed, a MTV decidiu brindar-nos com mais uma pérola do audiovisual: RoomRaiders, em que um concorrente devassa por completo o quarto das raparigas interessadas nele (incluindo, sim, o que todos esperamos, o baú da roupa suja e a gaveta da roupa interior).
Elas são apanhadas de surpresa pela produção, logo o quarto está da forma mais natural possível. Ele não as conhece, não vê fotos delas, só vai decidir com quem fica pelo aspecto do quarto. Vê se está limpo (sim, eles dão-lhe luvas de borracha e uma lanterna para ver as manchas na colcha e na alcatifa no escuro), arrumado e se lhe agrada o aspecto do quarto.
Nunca tinha pensado em escolher uma miúda pelo seu quarto. Mas quem sabe se não se torna moda?

sábado, 5 de junho de 2004

\m/ METALLICA \m/ 

Fomos os dois... (é o Bruno Farias, grande amigo e "O" companheiro de concertos!)

...vê-los...

...e foi, simplesmente, INDESCRITÍVEL.

quinta-feira, 3 de junho de 2004

Amanhã 

Parto para Lisboa.
Vou vê-los. A ele,
(James Hetfield)
a ele
(Kirk Hammett)
a ele
(Lars Ulrich)
e a ele!
(Rob Trujillo)
E todos juntos fazem o quê?

quarta-feira, 2 de junho de 2004

Sim, eu sei. 

Já se fazia um post de jeito.

E, de repente, ... 

... percebi. A causa para todos os males e bens. Tudo o que faço é regido por isto.
Sim, sou, como o Dr. Dias da Cunha (presidente do Sporting), perseguido pelo sistema.
(Ou então estou a ficar doido como ele...)

Etiquetas:


This page is powered by Blogger. Isn't yours?