<$BlogRSDUrl$>

quinta-feira, 31 de março de 2005

Ah e tal... 

... já se fazia um post novo, não? Até parece que trabalho e o camandro...
Ok, fugindo às óbvias influências fedorentas ---> o trabalho é gratificante, a vida corre bem, e é certamente mais fácil de escrever quando as coisas não correm da melhor forma.
Sendo assim, gosto de não ter muito para escrever.. :)

Etiquetas:


quinta-feira, 24 de março de 2005

Novo post 

"Post, estes são os meus leitores; Leitores, este é o meu novo post!"

Olá. Eu sou o novo post do Fechado Para Obras. Gosto muito de estar aqui neste blog, o dono é simpático e tratou-me bem até agora. De qualquer forma, ele parece-me estar sem inspiração. Não sei, parece-me ligeiramente abúlico. A inspiração rareia quando se trabalha. Por vezes falta tempo até de visitar o próprio blog, quanto mais visitar o dos outros.
Percebo o seu "sofrimento". Quando tinha tempo, não o utilizava para o blog. Agora que não tem, gostava de ter mais. Isto é mesmo assim, não é?
Ele vai continuar por aqui, sem dúvida. Abandonar isto não é uma opção. Pode é tirar férias mais ou menos alargadas de vez em quando...

Etiquetas:


segunda-feira, 21 de março de 2005

Dia Mundial da Poesia 

No Dia Mundial da Poesia, só poderia citar um poeta nacional: Fernando Pessoa. Através de Álvaro de Campos, deu-nos (e ainda nos dá) o poema Opiário, tanto mais feliz porque ainda serviu de inspiração para outra arte: a música. Aqui vai um excerto, como homenagem a um género literário e a um autor imortais.

OPIÁRIO (Ao Senhor Mário de Sá-Carneiro)

(...)
E fui criança como toda a gente.
Nasci numa província portuguesa
E tenho conhecido gente inglesa
Que diz que eu sei inglês perfeitamente.

Gostava de ter poemas e novelas
Publicados por Plon e no Mercure,
Mas é impossível que esta vida dure.
Se neste viagem nem houve procelas.

A vida a bordo é uma coisa triste,
Embora a gente se divirta à vezes.
Falo com alemães, suecos e ingleses
E a minha mágoa de viver persiste.

Eu acho que não vale a pena ter
Ido ao Oriente e visto a Índia e a China
A terra é semelhante e pequenina
E há só uma maneira de viver.

Por isso eu tomo ópio. É um remédio.
Sou um convalescente do Momento.
Moro no rés-do-chão do pensamento
E ver passar a Vida faz-me tédio.


Fumo. Canso. Ah uma terra aonde, enfim
Muito a leste não fosse o oeste já!
Pra que fui visitar a Índia que há
Se não há Índia senão a alma em mim?

Álvaro de Campos, 3 - 1914

Etiquetas:


quinta-feira, 17 de março de 2005

Primeiro dia 

Sim, é um post atrasado. (Ontem não tive tempo...)
Não, isso não quer dizer que tenha tido muito trabalho. (Apenas o suficiente)
Sim, fui apresentado a todas as pessoas do Serviço de Relações Externas da Universidade de Aveiro. (duas vezes)
Sim, a primeira impressão é definitivamente positiva.
Não, não foram antipáticos comigo nem sequer me praxaram.
Não, não quero que as SCUTS passem a ter portagens.
Sim, temos uma página online.
Sim, participo no jornal online da UA.
E, finalmente, sim, almocei com ele, com ela, com ela e com ela.
"Bem vindo(s) à Universidade de Aveiro!"

terça-feira, 15 de março de 2005

Pronto. 

Foi realmente desta. Amanhã, dia 16 de Março, começo o estágio profissional nos Serviços de Relações Externas da Universidade de Aveiro.
Sim, estou doido. Possuído. :)

Não liguem 

Estou apenas de passagem...

Etiquetas:


quinta-feira, 10 de março de 2005

Esperança 

Será que é desta?

Etiquetas:


This page is powered by Blogger. Isn't yours?